F1 – Mercedes considera o uso de ordens de equipe depois de Monza

segunda-feira, 27 de agosto de 2018 às 12:38

Valtteri Bottas e Toto Wolff

Toto Wolff confirmou que a Mercedes está perto de impor ordens de equipe em Valtteri Bottas enquanto Lewis Hamilton batalha com Sebastian Vettel para o título da Fórmula 1. Wolff diz que a Mercedes tomará uma decisão após o GP da Itália desta semana, enquanto as esperanças do finlandês de competir diminuem cada vez mais.

Bottas não venceu uma corrida em 2018 e ficou 87 pontos atrás de Hamilton na classificação depois do GP da Bélgica, quando terminou em quarto lugar.

O finlandês ficou frustrado quando Wolff o rotulou de “ajudante perfeito” para Hamilton, na Hungria, mas ele poderá cumprir esse papel nas corridas finais da temporada, já que Vettel e a Ferrari parecem manter a vantagem na pista.

“Eu odeio fazer isso. É completamente contra o meu instinto de corrida”, disse Wolff. “Tentamos ser muito neutros para os dois pilotos. Não o fizemos. Ainda não o fizemos. Não discutimos isso”.

“Vamos ver como Monza se encaixa e como isso acontece. Então, vamos abordar a questão de saber se precisamos colocar toda a força em um só piloto”.

“Mas, no momento, devemos aos dois homens e à Fórmula 1 não interferir na corrida”.

Quer concorrer a uma réplica do capacete do Ayrton Senna? Clique AQUI e palpite sobre quem vai vencer o GP da Itália da Formula 1!

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.