F1 – Mercedes aberta para a regra de congelamento de motor ser modificada

sexta-feira, 5 de setembro de 2014 às 15:44

Conferência de chefes de equipes

Toto Wolff disse que a montadora alemã poderia estar aberta à suspensão do atual congelamento de motores para ajudar as marcas rivais a diminuírem a diferença.

A Mercedes dominou esta temporada, e tem havido apelos recentes das rivais Ferrari e Renault para abrir os regulamentos de motores permitindo atualizações de desempenho.

Atualmente, as regras proíbem alterações da arquitetura do motor, a não ser por razões especiais relacionadas com a confiabilidade, segurança ou custo.

O chefe da Ferrari, Marco Mattiacci disse após o GP da Bélgica que relaxar as regras do mecanismo apoiaria o inovador DNA da F1, enquanto a Renault disse que iria apoiar uma regulamentação mais aberta do motor, se não levasse a uma guerra de gastos entre os fabricantes.

A possibilidade de relaxar essas regras estava na agenda de uma reunião do grupo de estratégia da F1 no paddock do GP da Itália na sexta-feira, durante a qual a popularidade da F1, as regras sobre superlicenças, o controle de custos e mudanças técnicas de longo prazo também foram discutidos.

Em declarações à imprensa mais tarde, Wolff sugeriu que a Mercedes pode apoiar um levantamento do congelamento do motor, se fosse feito da maneira correta.

“Temos de definir o que queremos fazer”, disse ele. “Obviamente, nós temos uma vantagem competitiva, mas gostaríamos de aceitar o desafio”.

“É o momento de mudar as regras para mudar alguma coisa? Talvez. As discussões que tivemos até agora foram bastante abertas”.

 

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.