F1 – Menos agressividade na classificação está funcionando para Hamilton

quarta-feira, 2 de setembro de 2015 às 15:40

Lewis Hamilton

Lewis Hamilton acredita que a sua impressionante forma numa volta única nesta temporada é devido a pequenos ajustes e ao controlar sua agressividade na classificação.

O britânico conseguiu 10 poles sobre uma única de Nico Rosberg este ano, um forte contraste com 2014, quando a pontuação foi de 12 para 7 em favor de Rosberg.

Hamilton tem usado a vantagem de largar no ar limpo, assegurando seis vitórias e outros quatro pódios para o deixar 36 pontos melhor do que estava neste momento no ano passado.

“Você está sempre se ajustando e tentando melhorar”, disse Hamilton, cujas 48 poles na carreira são 17 a menos do que seu herói Ayrton Senna. “Isto nunca acaba”.

“Eu sempre vou procurar pilotar bem, não importa como, mas você tem que continuar trabalhando nisto”.

“Não que eu tenha sido um piloto desastrado na classificação. Sempre fui rápido, mas era um pouco mais agressivo naquela época”.

Hamilton admitiu que 2014 foi um ano de “batalhas mentais” já que sofreu problemas de confiabilidade e confrontos com Rosberg dentro e fora da pista.

Mas este ano, o carro tem sido à prova de balas – ambos os pilotos terminaram nos pontos em todas as corridas nesta temporada – e Hamilton está festejando a confiança que um segundo título mundial lhe deu.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.