F1 – McLaren: Mudança do motor de última hora não comprometeu o novo carro

sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018 às 12:52

McLaren MCL33

A McLaren diz que não teve que fazer mudanças fundamentais no design de seu MCL33 para instalar o motor Renault em vez da Honda, apesar de os dois terem projetos substancialmente diferentes.

A equipe anunciou sua mudança de fornecedora de motores em setembro passado – uma decisão que diz não poderia ter sido deixada para mais tarde.

O diretor técnico da equipe, Tim Goss, disse que o “distúrbio de uma mudança de motor significativa feita no último minuto” foi “provavelmente o principal fato que ficou um pouco fora do comum desta vez”.

“Nós não sabíamos se viria ou não”, explicou. “Havia muita incerteza em torno disso”.

A equipe começou a se preparar para instalar o motor da Renault antes do acordo ter sido confirmado.

“Você pode fazer um pouco de trabalho de preparação nos bastidores, do que você sabe, então você tem uma ideia de quais principais mudanças que terá que fazer”, disse Goss.

“Então, nós fomos obrigados a pensar, mas obviamente não tínhamos dados concretos, projetos e desenhos para continuar. Assim que soubemos que estava acontecendo, foi para todos, todas as mãos ajudando, e a equipe de design fez um trabalho fantástico de reconfigurar o carro para instalar o motor da Renault”.

“Eu acho que dentro de quase duas semanas conseguimos que tudo fosse redesenhado e feito”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.