F1 – Mateschitz está perdendo a paciência com a saga dos motores

quarta-feira, 25 de novembro de 2015 às 12:52

Red Bull e Toro Rosso

Dietrich Mateschitz disse que “em algum momento, perderemos a paciência” sobre a situação de fornecimento de motores que não mostra sinais de terminar.

Mateschitz disse que ainda não tem um plano concreto para um acordo de fornecimento de motores com nenhuma das suas equipes, a Red Bull Racing e Toro Rosso.

Quando perguntado se uma ou ambas estarão na F1 no próximo ano, ele respondeu: “Eu não posso dar uma resposta definitiva para essa pergunta, porque ainda não sabemos se vamos conseguir um motor e o que mais está planejado para o futuro”.

“Mas em algum momento, perderemos a paciência”.

Daniel Ricciardo testou o motor Renault de nova especificação em Interlagos – visto como mais um passo para a equipe usar motores Renault sem marca no próximo ano.

Christian Horner disse no Brasil que sua equipe precisa saber nas próximas semanas que motor vai usar se quiser fazer o teste da pré-temporada.

“No momento, estamos bem no limite para estar no primeiro teste”, explicou. “Precisamos chegar a uma decisão nas próximas semanas”.

As esperanças da Red Bull de ter os motores alternativos para 2017 foram a pique na terça-feira quando o plano não conseguiu o apoio necessário que precisava para ir automaticamente para a próxima etapa do processo.

No entanto, não se pode excluir que o Conselho Mundial do Esporte a Motor da FIA decida impor a medida devido a circunstâncias excepcionais.

A posição do corpo diretivo deverá tornar-se mais clara nesta quarta-feira.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.