F1 – Massa quer reações mais rápidas e informações após acidentes

sábado, 10 de outubro de 2015 às 14:48

Felipe Massa

Felipe Massa diz que o tempo de resposta dos comissários após o acidente de Carlos Sainz no treino do GP da Rússia e a distribuição de informações sobre o seu estado foi muito lento.

Sainz perdeu o controle na frenagem da curva 13, batendo no muro de concreto do lado de fora da pista antes de ir em frente para a barreira no final da área de escape.

Os comissários tiveram que resgatar Sainz, cujo carro estava enterrado debaixo da barreira Tecpro. Também demorou algum tempo antes que qualquer replay de como o incidente tinha ocorrido fosse mostrado, com o diretor de televisão optando por esperar até que ficou claro que o espanhol estava bem.

“O tempo que levou foi enorme”, disse Massa. “Se estamos correndo em novas pistas onde eles não têm tanta experiência em corridas, precisam pensar em trazer comissários de outras corridas para que saibam o que fazer de uma maneira rápida”.

“Demorou muito, muito tempo”.

No que diz respeito à cobertura televisiva, Massa disse que seria útil se o diretor pudesse colocar uma mensagem na tela para tranquilizar os telespectadores sobre a condição de Sainz.

Massa disse: “A única coisa que eu estava realmente com medo, era que a televisão não mostrava nada. Não sabíamos o que aconteceu. Eles estavam apenas mostrando o rosto das pessoas, esperando para ter uma resposta. Ninguém sabia”.

“Eu fiquei pensando sobre a família – ela não tinha ideia do que está acontecendo. Isso é algo que eu não aceito. Eles precisam dar uma mensagem. Se o piloto está bem, a televisão (o diretor) precisa saber imediatamente e colocar uma mensagem que tudo está bem”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.