F1 – Manor vai correr em 2016 por causa de Booth e Lowdon

terça-feira, 5 de janeiro de 2016 às 13:10

John Booth e Graeme Lowdon

A Manor vai competir na nova temporada de F1 em parte por causa de seus ex-chefes John Booth e Graeme Lowdon, de acordo com o diretor técnico John McQuilliam.

Booth e Lowdon renunciaram aos seus cargos como chefe de equipe e diretor esportivo no final da temporada passada depois de construir a marca em 2010.

“Fiquei muito triste ao vê-los ir”, disse McQuilliam. “De muitas maneiras eu absolutamente devo a eles essa posição que tenho dentro da categoria. O importante para nós é continuar maior e melhor do que nunca, por eles, porque eles nunca desistiram”.

“Eles tiveram muito trabalho ao longo dos anos para criar esta equipe, no inverno passado em particular, e nunca podemos lhes agradecer o suficiente por isso”.

McQuilliam sentiu que quando a equipe entrou em concordata no final de 2014, que os seus dias estavam contados, somente para Booth e Lowdon realizarem um ato de salvamento.

“Foi no início de fevereiro que Graeme e John me disseram que isso podia realmente acontecer, e que precisavam de mim a bordo para se certificar de isso aconteceria”, acrescentou McQuilliam. “Inicialmente eu pensei que era impossível, e eu não desisto facilmente”.

“Apesar de termos enfrentado alguns obstáculos na Austrália, que foram muito difíceis de superar, quando o carro correu na Malásia, foi uma das melhores coisas que já tinha visto”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.