F1 – Lotus compreende as preocupações de Grosjean

sexta-feira, 29 de maio de 2015 às 14:00

Jolyon Palmer

A Lotus compreende as preocupações de Romain Grosjean de perder as sessões de treinos livres para Jolyon Palmer este ano, mas acredita que está fazendo a coisa certa.

Palmer, campeão da GP2 em 2014, está atualmente como piloto reserva da Lotus, mas em contraste com outros que já ocuparam anteriormente este lugar, ele está aprendendo a lidar com a F1 com 10 sessões nos primeiros treinos livres este ano.

Isso é o aborrecimento e a frustração de Grosjean, que acredita que ter de ceder o assento para o britânico está afetando os seus fins de semana de corrida.

“Os pilotos estão sempre disputando dentro das equipes”, disse Matthew Carter. “Romain sabia desde antes do início da temporada que esta seria a situação, com corridas específicas onde Jolyon faria o TL1 no primeiro dia”.

“Da nossa parte, nós realmente achamos que Jolyon é um futuro talento e queremos tentar e lhe dar o máximo de tempo que pudermos no carro. Do ponto de vista de Romain, é claro, um piloto gosta de ir melhorando num fim de semana, passando por todas as sessões, e eu posso entender sua frustração”.

“Mas não podemos agradar a todos o tempo todo, e como Jolyon referiu anteriormente, os resultados de Romain tem sido bons”.

Grosjean e Pastor Maldonado têm contratos até o final de 2016 com a Lotus, sugerindo que Palmer vai ter que esperar pelo momento certo se ele quer um assento de corrida com a equipe.

“No momento, temos pilotos sob contrato; Jolyon está consciente de que tem que ser paciente. Se você quer muito alguma coisa – e com apenas 20 pilotos de F1 é um clube muito elitizado – então tem que exercitar a sua paciência”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.