F1 – Lauda e Wolff preocupados com a visão da Liberty

segunda-feira, 20 de novembro de 2017 às 12:55

Niki Lauda e Toto Wolff

Toto Wolff já se juntou a Niki Lauda ao dizer que está preocupado com o futuro da Fórmula 1.

Lauda, que é coproprietário da equipe da Mercedes junto com Wolff e a fabricante de automóveis alemã, disse recentemente que está preocupado com a visão da Liberty sobre o futuro da categoria.

Ele agora diz à Globo do Brasil: “Tivemos que dar tempo para identificar o DNA da série. Mas eu já posso dizer isso para a Mercedes, e do que eu falei com outras equipes também, há coisas que nos preocupam”.

“Um deles é que eles reestruturaram a F1, contratando vários profissionais a um custo de 70 milhões de dólares por ano, o que poderia significar menos dinheiro para as equipes. Ainda não sabemos que montante será dividido entre nós em 2018”, Lauda disse.

A lenda da F1 também disse que está preocupado com os planos da Liberty no lado esportivo.

“Toda vez que falamos, tenho a sensação de que eles (Liberty) querem o sistema NASCAR, onde todas as equipes são as mesmas para que todos possam vencer. Mas isso é o oposto da F1”, disse Lauda.

“Em nossa competição, honramos o melhor carro, os melhores designers e os melhores pilotos. E isso é algo que Ross (Brawn) deve saber porque ele fez parte desta F1”, acrescentou.

Wolff, chefe da equipe Mercedes, admite que ele compartilha as preocupações de Lauda.

“Bernie Ecclestone inventou algo e a transformou em algo excelente há mais de 50 anos”, disse ele ao jornal Bild am Sonntag.

“E agora temos a responsabilidade de mantê-lo ótimo. Temos opiniões diferentes sobre como fazer isso, mas continuaremos conversando uns com os outros”, disse Wolff.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.