F1 – Hulkenberg acha que pode repetir o ritmo em Austin

quarta-feira, 14 de outubro de 2015 às 13:31

Nico Hulkenberg e Marcus Ericsson

Nico Hulkenberg, da Force India, acha que pode terminar a temporada de F1 em um alto nível, apesar da decepção do GP da Rússia em Sochi, quando desperdiçou uma largada entre os seis primeiros com um acidente na primeira volta.

A grande quantidade de longas retas nas corridas restantes deve se adaptar aos pontos fortes do motor Mercedes da Force India, como comprovado pelo pódio de Sergio Perez na Rússia.

“Eu acho que Austin deve ser positivo de novo”, disse Hulkenberg. “As características semelhantes deste circuito, com muitas curvas de médias e altas velocidades e o nosso carro já se apresentou muito bem lá. Assim, devemos ter mais pontos e outras coisas mais positivas”.

“Para mim, pessoalmente, procuro por quatro fortes corridas para o fim da temporada, obviamente, eu quero esquecer esta (Rússia) e terminar a temporada com uma nota alta”.

Hulkenberg diz que era “um passageiro”, quando começou a girar na frente do pelotão na largada do GP da Rússia. Ele perdeu o controle de seu carro na curva 2, foi batido de raspão pelo Toro Rosso de Max Verstappen e duramente atingido pelo Sauber de Marcus Ericsson.

Hulkenberg diz que não ficou muito preocupado, apesar de sua exposição ao tráfego em sentido contrário: “Não foi muito assustador. Foi uma situação ruim, desconfortável, mas aquela curva é de baixa velocidade. Se fosse de alta velocidade, então seria uma história diferente”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.