F1 – Hulkenberg: 2019 é “uma bagunça” até agora para a Renault

Nico Hulkenberg

A equipe de fábrica francesa queria chegar mais perto das três melhores este ano, mas mesmo com Daniel Ricciardo recrutado da Red Bull, a Renault está apenas em oitavo lugar entre dez no total.

“A temporada tem sido um pouco confusa, mesmo que essa seja talvez a palavra errada para isso”, afirmou o alemão Nico Hulkenberg à revista Auto Motor und Sport. “Algo sempre significou que não poderíamos alcançar todo o nosso potencial. Temos de sair desse padrão agora”.

A boa notícia, disse Hulkenberg, é que o carro amarelo e preto tem ritmo. Mas isso significa que a pressão está na direção de resultados muito melhores.

“A pressão aumentou, mas não tanto que você não possa respirar”, acrescentou Hulkenberg. “Queremos fazer tudo melhor, mas também não podemos dobrar o aço com as nossas próprias mãos”.

Será um fim de semana difícil, em particular para Ricciardo, que dominou em Mônaco há um ano. “O ano passado foi muito fácil”, sorriu o australiano. “Certamente ainda estou tão animado como sempre estou”.

“Eu não diria que estou surpreso com nada, mas obviamente somos todos honestos o suficiente para dizer que teríamos esperado por melhores resultados. Não esperávamos estar na disputa do pódio nem nada nesta fase. Ainda vejo o que vi quando assinei, e a motivação não baixou de forma alguma”, prosseguiu.

“Vai levar um pouco mais de tempo, mas tenho a certeza que vou tentar e fazer tudo o que puder. Sinto que tudo o que coloquei foi levado em consideração e a equipe está disposta a crescer e aprender”, acrescentou Ricciardo.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.