F1 – Horner se sentiu confortável ao deixar seus pilotos duelarem

segunda-feira, 3 de outubro de 2016 às 13:21
Daniel Ricciardo e Max Verstappen

Daniel Ricciardo e Max Verstappen

Christian Horner diz que não teve preocupações ao deixar Daniel Ricciardo e Max Verstappen duelarem pela vitória em Sepang porque há “respeito real” entre os dois pilotos.

A dupla da Red Bull garantiu a primeira dobradinha da equipe desde 2013, com Ricciardo vencendo à frente de Verstappen. Foi um final emocionante de corrida para os companheiros de equipe enquanto Verstappen pressionava o australiano, ficando a 1,4s na chegada.

Ricciardo, porém, foi capaz de segurar para reivindicar a sua primeira vitória da temporada.

Foi uma atmosfera muito diferente da ultima dobradinha da Red Bull no circuito de Sepang em 2013 com circunstâncias controversas quando Sebastian Vettel desobedeceu a ordens de equipe e passou Mark Webber.

“Eu tomei a decisão”, disse Horner após a corrida. “Eu instruí ambos os engenheiros de corrida: ‘vocês estão livres para disputar, mas certifiquem-se de priorizar os 43 pontos. Peça aos pilotos para respeitarem isso’. E eles fizeram”.

“Do nosso ponto de vista, estava bem em permitir isso. Ambos estavam nos mesmos modos de motor, ambos no mesmo nível de potência, por isso não havia vantagem real de uma forma ou de outra”.

“Em nenhum momento houve um multi 21 (referência ao infame incidente de 2013). Dois pilotos diferentes, em diferentes circunstâncias”.

“O que temos visto é que há um verdadeiro respeito entre os dois”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.