F1 – Honda “envergonhada” pela penalidade de Alonso no Japão

sábado, 7 de outubro de 2017 às 9:58

Fernando Alonso

O chefe da Fórmula 1 da Honda, Yusuke Hasegawa, diz que está “envergonhado” pela penalidade de grid dada à Fernando Alonso na corrida de casa da McLaren-Honda no Japão.

Alonso se classificou dentro dos 10 melhores em Suzuka, mas vai cair para trás do grid graças a uma penalidade de 35 posições.

A Honda descobriu um vazamento hidráulico no motor de Alonso após o treino de sexta-feira e optou por trocar a unidade de potência completa em vez de tentar uma solução.

Stoffel Vandoorne vai largar em nono, pela penalidade para Kimi Raikkonen da Ferrari, o que significa que ambas os carros da McLaren poderiam ter largado no GP do Japão em disputa de pontos, se não fosse pela punição de Alonso.

“Estou muito envergonhado”, disse Hasegawa a jornalistas após a sessão. “Nós não tivemos uma falha no motor, tivemos algum vazamento hidráulico, que podíamos corrigir se descobríssemos [a causa] com tempo suficiente, mas não conseguimos, é por isso que precisamos mudar o motor”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.