F1 – Hamilton motivado para ganhar tudo!

Lewis Hamilton

Lewis Hamilton não está mostrando sinais de desaceleração, desânimo, apatia ou seja lá o que for, e o pentacampeão mundial insistiu que ainda há mais para ele fazer no esporte enquanto se prepara para selar o terceiro título consecutivo.

Hamilton tem 62 pontos de vantagem para seu companheiro de equipe Valtteri Bottas no campeonato de pilotos, quando nos aproximamos do início da segunda metade da temporada. O britânico já venceu oito das 12 corridas deste ano para cimentar seu lugar no topo da tabela e aumentar suas chances de ganhar um sexto título.

Com Hamilton a dois atrás do recorde de sete títulos de Michael Schumacher, parece que ele está mirando esse número, ao admitir que não tem planos de se aposentar enquanto ainda restarem coisas para ganhar.

“Um dia eu vou ter que parar, mas agora eu me sinto fantástico fisicamente e mentalmente”, disse Hamilton à Sky Sports.

“Atualmente, não tenho planos de parar em breve. Há mais a fazer, há mais para ganhar, há mais para conseguir juntos, dentro e fora do carro.”

Hamilton venceu quatro de seus cinco títulos na Mercedes e está procurando ampliar seu relacionamento e sucesso.

“Tem sido uma jornada fenomenal na Mercedes. Acho que agora estou ansioso para ver o que mais podemos fazer juntos e o que virá a seguir”, acrescentou.

“Sinceramente, não sei por que algumas pessoas decidem parar no momento em que decidem parar, mas eu amo guiar. Eu realmente, realmente amo o desafio”.

A vantagem de 62 pontos no campeonato nas férias de verão é a maior que qualquer piloto tem desde 2011, enquanto as oito vitórias de Hamilton nas 12 corridas de abertura representam o melhor início na F1 em 15 anos.

O piloto da Mercedes acredita que há espaço para melhorias – e está prevendo uma segunda parte de temporada mais difícil, quando voltarem aos carros em Spa na próxima semana.

“Oito vitórias na primeira metade da temporada é obviamente excepcional”, disse Hamilton.

“A Ferrari teve um bom pacote, eles obviamente vieram com uma certa filosofia este ano que não funciona em todas as pistas. A Red Bull, eu não sei quais mudanças eles fizeram em seu carro, mas eles parecem realmente fortes. Eu acho que o motor realmente deu um grande passo para eles também, o que é ótimo.”

“Eu olho para essas corridas e vejo que vencemos 8 de 12? Ainda faltaram algumas então. Como não ganhamos aquelas? Como não fomos perfeitos naqueles finais de semana? Também tivemos corridas onde tivemos sorte e a Ferrari foi mais rápida, às vezes foi erro de equipe ou, às vezes, erro do piloto.”

“Acho realmente que a próxima metade da temporada pode ser muito, muito mais difícil, enquanto continuaremos a ter essa batalha”.

AS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.