F1 – Hamilton e Bottas entregam homenagem perfeita à Lauda

quinta-feira, 23 de maio de 2019 às 14:51

Lewis Hamilton – Monaco 2019

Lewis Hamilton e Valtteri Bottas fizeram uma homenagem perfeita a Niki Lauda nesta quinta-feira, quando lideraram os tempos da Mercedes no TL2 do GP de Monaco.

Os dois pilotos ficaram separados por apenas 0,081 segundo na frente do pelotão com o mais próximo, Sebastian Vettel, sete décimos atrás em P3.

Apenas 72 horas após a morte do ex-presidente não-executivo da equipe, o atual cinco vezes campeão e atual líder do campeonato e seu companheiro de equipe estavam em uma classe própria no imperdoável circuito de rua mediterrâneo.

Hamilton foi o mais rápido com 1.11,118 segundos, sua declaração mais eloquente desde que chegou ao principado e não compareceu na coletiva de imprensa pré-evento na quarta-feira à tarde.

Muitos da equipe Mercedes de luto, e outros, usavam braçadeiras pretas ou carregavam mensagens em seus carros em um dia sombrio de sol enevoado.

Foi como o chefe da equipe Mercedes, Toto Wolff, disse de seu compatriota austríaco antes da sessão de abertura, como se o esporte tivesse acabado de perder não apenas um grande tricampeão e uma personalidade maior do que a vida, mas algo do seu “coração e alma”.

Se a Mercedes e seus pilotos conseguirem manter o controle que mostraram hoje, há grande possibilidade de estender o recorde de cinco dobradinhas de abertura de temporada, na corrida de domingo para seis.

Isso iria colocar mais sal sal nas feridas da Ferrari, enquanto eles lutam para manter o ritmo de seus rivais. A equipe italiana, para quem Lauda venceu dois de seus três títulos, não conseguiu cinco dobradinhas em nenhum momento na última década.

Depois da exibição de hoje, Valtteri Bottas disse que Monaco não parece mais “impossível de guiar” depois de um dia forte como esse para a Mercedes.

Monaco vinha sendo uma espécie de pista bizarra para a Mercedes nos últimos anos, mas Hamilton e Bottas parecem ter terminado com essa sensação

“Acho que foi um bom dia para nós”, disse Bottas.

“Há anos que o carro parecia quase impossível de guiar aqui, mas agora foi realmente possível e até agradável, então precisamos apenas fazer alguns ajustes finos.”

“Acho que começamos o fim de semana com o pé direito, essa é a sensação, mas obviamente isso é Monaco e tudo pode acontecer. Por enquanto, tudo bem.”

Bottas ainda está para pisar no pódio de Monte Carlo depois das recentes lutas de Mercedes no circuito, mas ele finalmente se sente confiante no carro que ele tem abaixo dele.

“É bom – parece bastante sólido”, explicou ele. “Nos últimos anos, quando acertamos o carro muito macio, ele ficou um pouco preguiçoso, mas hoje foi responsivo e agradável.”

“Mas só precisamos ter certeza de que quaisquer mudanças que fizermos continuarão indo na direção certa.”

O finlandês deu algumas raspadas nas barreiras, mas disse que é importante encontrar o limite durante os treinos.

“Foi perto”, acrescentou Bottas. “Você precisa encontrar o limite, mas, felizmente, não houve danos hoje e foi divertido. Senti-me à vontade para ultrapassar os limites e isso é sempre uma sensação boa.”

Hamilton ficou bastante satisfeito com o ritmo dessa sexta-feira.

“É o sonho de todo piloto chegar a Monaco e ter um carro com o qual você possa explorar e utilizar suas habilidades”, disse Hamilton.

“Estou muito orgulhoso da equipe e, naturalmente, nosso objetivo é tentar fazer algo realmente positivo neste final de semana.”

“Fizemos alguns pequenos ajustes entre as duas sessões e também durante as sessões, mas eu fiquei muito feliz com o acerto.”

“Todo ano voltamos para cá e fica mais rápido e você realmente percebe quando passa pelas barreiras.”

“É incrivelmente intenso aqui e você tem que ficar totalmente focado.”

 

AS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.