F1 – Haas: Sorte da temporada de estreia se tornou mais normal

quinta-feira, 1 de junho de 2017 às 10:04
Gene Haas

Gene Haas

Gene Haas, dono da equipe, diz que a sorte que os ajudaram em sua temporada de estreia agora está se tornando “mais normal”, mas parece que ainda há muito espaço para melhorar suas operações.

A Haas estreou na Fórmula 1 no ano passado, marcando 29 pontos em sua primeira temporada com a melhor posição de chegada o quinto lugar no Bahrain.

A equipe só fez o Top 10 em cinco ocasiões, com uma série de problemas em seu carro – particularmente seus freios – prejudicando seus esforços, enquanto Romain Grosjean terminou como o único a pontuar da equipe.

A Haas fez um sólido início para a temporada de 2017, conseguindo sua primeira pontuação dupla em Mônaco, quando Grosjean e o novo companheiro de equipe Kevin Magnussen chegaram aos pontos.

Olhando para sua temporada de estreia, Haas admitiu que ele subestimou o desafio de entrar na F1, mas aproveitou o fato de que a sorte que ajudou a equipe americana em seu primeiro ano agora está se tornando mais normal.

“Eu realmente não sabia a profundidade dos desafios técnicos na Fórmula 1”, admitiu Haas. “Provavelmente, como a maioria dos fãs, eles realmente não sabem o quão complexo são esses carros, mas é intrigante, é divertido se envolver nisso. Temos grandes parceiros e acho que estamos bem”.

“Tivemos um pouco de sorte no ano passado e agora ficou mais normal, é mais uma sorte normal que se costuma ter nas corridas, por isso é um desafio. É muito difícil competir contra todas essas equipes, elas são todas muito boas no que fazem”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.