F1 – Haas quer qualidade ao invés de quantidade

quinta-feira, 12 de janeiro de 2017 às 10:46
Gene Haas

Gene Haas

Gene Haas diz que está mais preocupado em fazer contratações de funcionários de qualidade do que maciçamente expandir a operação de sua equipe para o seu segundo ano na Fórmula 1.

A equipe entrou na F1 fortemente ligada à Ferrari, que forneceu motor e toda peça permitida nas regras, e com um chassi projetado pela Dallara.

Tendo visto as vantagens e desvantagens de uma ampla parceria em 2016, Haas diz que tem uma melhor compreensão de como fazer uma equipe de F1 trabalhar bem entrando na temporada número dois.

“Muita gente achou que a Ferrari estava basicamente nos dando um carro e nós estávamos indo para a pista e correr”, disse Haas à ESPN.

“Mas isso não foi o caso. Eu acho que está muito claro que há muito mais acontecendo com esses carros do que apenas as peças em si; a Mercedes deu motores para várias equipes e elas não desempenham tão bem quanto a Mercedes, então há muita complexidade para não só construir os carros, mas também desenvolvê-los”.

Haas acha que a melhor maneira de conseguir que a equipe tenha um melhor desempenho em 2017 – que prevê mudanças radicais nas regras – é empregar pessoal com o conhecimento necessário para extrair mais do carro.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.