F1 – Grid Girls estarão de volta em Cingapura

segunda-feira, 10 de setembro de 2018 às 12:17

Grid Girls

A Liberty Media pode ter banido as Grid Girls, mas os organizadores de Cingapura colocarão as garotas de volta no grid para a corrida deste fim de semana.

Antes do campeonato deste ano, os proprietários da F1, a Liberty Media, anunciaram que as Grid Girls não mais participariam da categoria.

“Sentimos que esse costume não está de acordo com os valores de nossa marca e está claramente em desacordo com as normas sociais modernas”, disse Sean Bratches na época.

Cingapura, no entanto, deve desafiar a decisão.

De acordo com o Yahoo Lifestyle Singapore, a corrida noturna contará com as comissárias de bordo da Singapore Airlines (SIA), como fez no passado.

A Singapore Airlines disse em um comunicado: “Nossas comissárias de bordo são embaixadoras da marca para a Singapore Airlines e continuará a desempenhar um papel integral no próximo Grande Prêmio de Fórmula 1 de 2018 da Singapore Airlines”.

Dean Shams, um especialista em relacionamento público, diz que ser uma “Singapore Girl” continua sendo uma marca de prestígio.

Ele explicou: “A Liberty Media vê a Grid Girl como uma forma de sexismo, uma vez que normalmente exalam uma personagem sexual com suas roupas escassamente vestidas. Com razão, eles querem ser vistos como uma marca progressista”.

“A SIA e Cingapura, por outro lado, veem as Singapore Girls como um ícone local. Nesse aspecto, elas parecem ser uma boa opção para representar a singularidade e hospitalidade de Cingapura”.

Quer concorrer a uma réplica do capacete do Ayrton Senna? Clique AQUI e palpite sobre quem vai vencer o GP de Cingapura da Formula 1!

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.