F1 – Futuras regras aerodinâmicas serão discutidas

terça-feira, 18 de julho de 2017 às 9:35
Fórmula 1

Fórmula 1

As regras aerodinâmicas para além de 2020 e os dispositivos de proteção de cockpit halo e escudo estão entre os itens a serem discutidos quando o Grupo de Estratégia da Fórmula 1 se reunir na quarta-feira, segundo o site Autosport.

As regras aerodinâmicas da F1 foram renovadas para a temporada de 2017 para criar carros agressivos e mais rápidos.

Acredita-se que os chefes da F1 desejam melhorar o espetáculo de corrida e, portanto, estão explorando formas em que isso possa ser alcançado em longo prazo, como mudar as regras aerodinâmicas mais uma vez.

O dispositivo de proteção escudo será discutido depois que Sebastian Vettel da Ferrari interrompeu o primeiro teste do dispositivo no treino do GP da Inglaterra, afirmando que o deixou “nauseado”.

A FIA está explorando a ideia de ter uma versão final do escudo pronta para a introdução em 2018, mas já insistiu antes que se esses planos não se concretizassem e, em vez disso, implantaria o halo, que também foi criticado.

Os compostos de pneus e o horário do fim de semana de F1 também devem ser discutidos na reunião, que terá lugar em Genebra.

Uma atualização sobre os planos para reduzir os custos será feita, enquanto outras discussões sobre as regras do motor pós-2020 também provavelmente ocorrerão.

O evento da Fórmula 1 Live in London, que aconteceu na quarta-feira antes da corrida, foi considerado um sucesso com Fernando Alonso, dizendo que quer que seja o “primeiro de muitos”.

A disponibilidade de pilotos para tais eventos deve estar na mesa e entende-se que há um desejo de bloquear entre três e cinco aparições por piloto em tais eventos ao longo de uma temporada.

O escape soprado, a controversa queima de óleo e as coberturas do motor – incluindo as “barbatanas” – também estão na agenda.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.