F1 – FIA anuncia os procedimentos do carro de segurança virtual

quinta-feira, 8 de janeiro de 2015 às 17:31

Carro de Segurança Virtual

Os procedimentos para o novo sistema do carro de segurança virtual (VSC) foi confirmado pela FIA, após a publicação do seu regulamento de 2015.

O carro de segurança virtual surgiu após o acidente de Jules Bianchi no GP do Japão, com a FIA acreditando que era necessária uma nova maneira de reduzir a velocidade dos carros, em caso de um incidente.

Após testes bem sucedidos do conceito durante os treinos nas últimas três corridas no ano passado, as regras foram acertadas com as equipes.

Agora foram formalmente adicionadas aos regulamentos esportivos da F1.

O Artigo 41 das regras descreve como o procedimento do VSC vai funcionar – e deixa claro que ela será normalmente implementada quando as “duplas bandeiras amarelas agitadas forem necessárias em qualquer setor da pista e os pilotos ou funcionários possam estar em perigo, mas as circunstâncias não justificam o uso do próprio carro de segurança”.

Quando o VSC for acionado, os painéis de luzes dos comissários ao redor da pista irão exibir ‘VSC’.

Os pilotos não serão autorizados a entrar nos boxes, a menos que seja para fins de troca de pneus, e vão ter que ficar acima de um tempo mínimo estabelecido pela FIA pelo menos uma vez em cada setor demarcado.

Qualquer piloto que não respeitar o limite de velocidade será punido pelos comissários.

Quando o controle de corrida estiver satisfeito de que é seguro para retomar a corrida, as equipes serão informadas pelo sistema oficial de mensagens, de que o período do VSC está terminando e, em seguida, “a qualquer momento entre 10 e 15 segundos depois, o aviso de ‘VSC’ nos painéis de luzes da FIA mudarão para verde e os pilotos poderão continuar a correr imediatamente. Após 30 segundos as luzes verdes serão apagadas”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.