F1 – Ferrari não tem certeza das mudanças na classificação

terça-feira, 1 de março de 2016 às 12:22
Sergio Marchionne

Sergio Marchionne

O presidente da Ferrari Sergio Marchionne diz que a equipe não tem certeza que possa aceitar as recentes mudanças no sistema de classificação da F1.

Na semana passada, as equipes de F1 aprovaram um plano para mudar o procedimento de classificação atual para um formato de eliminação ao vivo para a próxima temporada. O formato proposto veria a saída do piloto mais lento na classificação a cada 90 segundos em três sessões, deixando um confronto de dois carros pela pole position no último minuto e meio.

No entanto, a sua introdução foi adiada para a quinta corrida da temporada porque o software de cronometragem necessário não está disponível no momento. Marchionne não está convencido com as mudanças planejadas e diz que outras equipes do grid têm a mesma opinião da Ferrari.

“Acho que precisamos de mais discussões sobre o novo formato de classificação”, disse Marchionne. “Temos de ter cuidado para não perturbar o sistema. Não tenho certeza se a Ferrari possa aceitar as ideias de Bernie (Ecclestone). Precisamos entendê-las melhor – e não acho que todas as equipes concordam com a proposta”.

O formato de classificação foi modificado em uma tentativa de fazer corridas de F1 mais emocionantes com o grid misturado. O diretor técnico da Williams, Pat Symonds, previu que o novo sistema vai provocar distúrbios na tarde de sábado, embora outros tenham reagido negativamente à proposta de alteração.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.