F1 – Ferrari considera apelar contra o resultado do GP do Brasil

Vettel ultrapassa Vergne na reta oposta

Vettel ultrapassa Vergne no GP do Brasil

 

Até o momento, somente a mídia italiana e espanhola estavam batendo na tecla de uma ultrapassagem irregular de Sebastian Vettel no GP do Brasil.

Agora a mídia inglesa, incluindo a BBC e a Sky Sports, começa a reportar que a Ferrari está pensando em realmente entrar com um protesto.

Se a Scuderia de Maranello for bem sucedida com qualquer recurso, isto poderá alterar o destino do título de campeão mundial de pilotos, que Sebastian Vettel venceu neste domingo em Interlagos.

A equipe italiana já estaria examinando as filmagens de Vettel ultrapassando um rival quando as luzes de aviso amarelas estavam acesas no painel de seu cockpit, o que significa que manobras de ultrapassagem não são permitidas. As luzes no painel de Vettel e as placas luminosas piscando em amarelo são claramente visíveis.

As marcações (com sensor) para o painel do carro ficam exatamente ao lado da placas luminosas que mostram amarelo, amarelo piscando e verde. O carro lê aquele sensor e caso a placa luminosa esteja “amarelo piscando” a informação é imediatamente mostrada no painel do piloto, ou seja, acendem duas luzes amarelas no painel do carro. Até que essas luzes apaguem, o piloto não pode ultrapassar. A luz amarela só apaga – portanto o piloto só pode ultrapassar – depois que o carro passa por outra placa luminosa que esteja verde.

E Vettel completa o movimento – ultrapassando Jean-Eric Vergne da Torro Rosso – a poucos metros antes de passar pela placa luminosa verde, que sinaliza que a pista daquele ponto em diante está liberada para disputas e ultrapassagens.

Veja o vídeo


Vettel terminou em sexto lugar em Interlagos no domingo, o suficiente para ser o campeão de 2012 com três pontos à frente de Fernando Alonso, da Ferrari.

Se a Ferrari obtiver êxito em um eventual apelo, a FIA poderá adicionar 20 segundos no tempo de corrida de Vettel, que cairia para o oitavo lugar na corrida – e isso significaria que Alonso seria campeão do mundo.

Segundo os regulamentos da FIA, o órgão tem até 30 de novembro para investigar quaisquer incidentes “que possam ter um efeito sobre o resultado de um campeonato”, assim Vettel e Red Bull podem ter que esperar para saber seu destino nos próximos dias.

AS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.