F1 – Explorações fora da pista de Hamilton ensinaram uma lição à Brawn

quarta-feira, 2 de janeiro de 2019 às 8:56

Lewis Hamilton e Ross Brawn

Os interesses fora da pista de Lewis Hamilton ensinaram ao diretor de automobilismo da Fórmula 1 Ross Brawn “uma lição” de como um piloto pode se comportar fora do carro.

Hamilton, que conquistou um quinto campeonato em 2018, juntamente com o lançamento de sua própria linha de roupas em colaboração com a grande marca norte-americana Tommy Hilfiger, tem sido criticado por seu estilo de vida.

O britânico é um mega star global e o único piloto de F1 que pode ostentar o status de celebridade, e deixou claro em 2018 que ampliar seus interesses e atividades fez dele uma pessoa mais feliz e impulsionou suas atuações de F1 ao invés de prejudicá-las.

“Eu tenho uma lição disso”, disse Brawn à Autosport.

“Eu provavelmente tinha uma visão tradicional dos pilotos de corrida que eles deveriam seguir um certo estilo de vida quando estão fora do carro para maximizar o desempenho no carro”.

“Isso subestimava o que Lewis faz fora do carro em relação à sua forma física, seu treinamento e sua preparação. Isso não costuma ser destacado”.

“Ele tem a paixão de viajar pelo mundo para eventos pop, eventos musicais ou desfiles de moda”.

“Isso é único e acho que seu sucesso disse a todos que você pode fazer essas coisas e ainda conseguir resultados”.

“Se alguém não tivesse tido sucesso e estivesse conduzindo esse estilo de vida, seria dito que essa é a razão pela qual eles não são bem-sucedidos, porque você está muito acostumado a uma abordagem mais conservadora”.

“Eu admiro por sua força em comandar sua própria vida, o que ele sabe que é melhor para ele, o que o motiva”.

“E é ótimo para a Fórmula 1, é claro. Ter alguém com uma personalidade tão forte é algo que é muito bom para nós”.

[the_ad id=”237860″]

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.