F1 – Ericsson acha que chegada de Raikkonen foi uma má notícia para seu futuro

quinta-feira, 27 de setembro de 2018 às 12:33

Marcus Ericsson e Kimi Raikkonen

Marcus Ericsson, da Sauber, disse que suspeita que a entrada de Kimi Raikkonen à equipe foi “má notícia” para suas próprias esperanças de correr na Fórmula 1 na próxima temporada.

A Sauber vai ter uma nova formação na próxima temporada, depois de confirmar o italiano Antonio Giovinazzi como parceiro de Raikkonen, com Ericsson assumindo o papel de terceiro piloto.

A mudança surpresa de Raikkonen foi anunciada antes do GP de Cingapura e Ericsson, cujo assento de corrida não foi confirmado logo após o anúncio, disse que isso era um sinal de que suas próprias esperanças haviam diminuído.

“Acho que quando Kimi assinou isso foi uma má notícia para mim”, disse Ericsson. “Eu ainda estava esperando. No último final de semana eu recebi a informação que Antonio tinha assinado no outro carro”.

“Eu e meus empresários estávamos olhando em volta um pouco, mas decidimos continuar com a Sauber e com o relacionamento lá, o que achamos importante”.

Ericsson está em 18º no campeonato com seis pontos em seu nome, nove a menos que o companheiro de equipe e o piloto da Ferrari de 2019, Charles Leclerc.

Quer concorrer a uma réplica do capacete do Ayrton Senna? Clique AQUI e palpite sobre quem vai vencer o GP da Rússia de Formula 1 no próximo domingo!

[the_ad id=”237860″]

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.