F1 – “Desapontada” Renault quer mostrar ganhos do motor no Bahrain

quarta-feira, 27 de março de 2019 às 11:43

Renault

A Renault está determinada a mostrar o progresso que fez com seu motor de Fórmula 1 no GP do Bahrain, de acordo com o chefe da equipe, Cyril Abiteboul.

A equipe francesa havia falado sobre seus ganhos durante o inverno e estabeleceu a meta de tirar a diferença da Mercedes, Ferrari e Red Bull em 2019, apesar de ter sofrido um decepcionante começo no GP da Austrália.

Nico Hulkenberg e Daniel Ricciardo não conseguiram chegar ao Q3 na classificação, embora Hulkenberg tenha conseguido se recuperar para um sétimo lugar. Ricciardo sofreu uma corrida pesadelo em casa em sua estreia na Renault e abandonou em Melbourne, tendo perdido sua asa dianteira na primeira volta.

Abiteboul disse que a Renault precisa ser dura consigo mesma para bater forte neste fim de semana no Bahrain, não conseguindo extrair o máximo de seu pacote 2019 na Austrália.

“Em outras temporadas, estaríamos satisfeitos com o sétimo lugar na primeira corrida, mas este ano ficamos um pouco desapontados”, explicou Abiteboul.

“Sentimos que o nosso carro é capaz de lutar no topo do meio-campo. No entanto, isso nem sempre foi exibido quando realmente contava na classificação e durante a corrida”.

“Estamos determinados a mostrar mais no Bahrain. Temos de sublinhar o passo que fizemos no lado do motor, e a segunda corrida de 2019 é uma oportunidade para mostrar isso. Vamos trazer algumas atualizações aerodinâmicas, como faremos em todas as corridas”.

“Também precisamos direcionar a consistência ao longo de todo o final de semana, oferecendo um carro balanceado e confiável em todas as sessões para permitir que os pilotos extraiam o máximo de desempenho”.

[the_ad id=”237860”]

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.