F1 – Definidos os compostos para o GP de Mônaco

quinta-feira, 29 de março de 2018 às 12:49

Composto hiper macio

A Pirelli confirmou que o novo pneu hiper macio vai estrear em Mônaco ainda este ano. Para a temporada de 2018, a fornecedora de pneus da Fórmula 1 introduziu dois novos compostos – o super duro e o hiper macio. Estão definidos para o circuito de Monte Carlo, os compostos super macios, ultra macios e hiper macios.

O hiper macio substitui o ultra macio como o pneu mais rápido disponível, com a fornecedora esperando que os tempos de volta caíssem drasticamente nas ruas de Mônaco em maio. O pneu, que se distingue pelas suas marcas rosa, foi descrito como o melhor já produzido por Lewis Hamilton.

E se espera uma grande diferença entre o ultra macio e o hiper macio em Mônaco, prevendo uma diferença de 0,7 a 0,8s por volta.

“Mônaco tem muito a ver com aderência mecânica, então um pneu mais macio dará uma grande vantagem em termos de tempo de volta”, disse o diretor da marca italiana, Mario Isola, ao site F1.com. “Tenho uma boa expectativa de que teremos um recorde de volta”.

O atual recorde de volta foi definido por Kimi Raikkonen no ano passado, quando ele conquistou a pole position com 1m12.178s. Nos testes de pré-temporada, a Mercedes e a Haas foram as únicas equipes que não tiveram alguma quilometragem no pneu hiper macio, mas Isola não acha que será um problema em Mônaco.

“Eu não acho que isso seja um problema para eles”, disse Isola. “Mônaco é um circuito tão único que as equipes precisam usar o hiper macio no treino para avaliar o nível de aderência e degradação. É difícil pegar números de outros circuitos e fazer uma comparação”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.