F1 – Comentários pós treinos livres – Force India – GP da Hungria 2017

sexta-feira, 28 de julho de 2017 às 13:12
Sergio Perez

Sergio Perez

Sergio Perez, 12º/12º colocado: Nosso ritmo em stints longos parece promissor, mas acho que ainda há muito que podemos encontrar em termos de desempenho. A pista melhorou muito entre as sessões da manhã e da tarde, mas ainda estava ventando muito e isso tornou as coisas bastante difíceis. É muito difícil ultrapassar aqui, então há uma grande ênfase na classificação de amanhã. Eu não estava totalmente confortável com o equilíbrio do carro até agora, mas estou confiante de que podemos melhorar e estar em posição de lutar pelo Top 10.

Esteban Ocon, não participou/11º colocado: Eu só estive no carro esta tarde e acho que peguei as coisas muito rapidamente. Eu encontrei um bom ritmo imediatamente e terminei o dia me sentindo confortável no carro. É claro que temos algum trabalho a fazer esta noite para encontrar um pouco mais de desempenho, mas fizemos muito trabalho duro e sabemos onde precisamos melhorar. Eles fizeram algumas mudanças nas zebras deste ano, que afetam um pouco o caráter desse circuito. Eu preferia as zebras antigas, mas ainda é uma pista incrível e eu realmente gosto de dirigir aqui.

Alfonso Celis, 17º colocado/não participou: Não foi uma sessão fácil com as bandeiras vermelhas chegando no pior momento possível. Quando finalmente tive a chance de fazer uma volta voadora, tive dificuldades para levar os pneus na janela da temperatura certa. No início da sessão, achei que o carro estava um pouco desequilibrado e difícil de dirigir. As mudanças que fizemos na segunda parte ajudaram e me deram mais confiança. É ótimo voltar ao carro depois de algumas corridas, porque isso me permite realmente sentir a maneira como o carro está melhorando. Desde a Áustria, o desempenho continua melhorando.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.