F1 – Comentários pós corrida – McLaren – GP do Brasil 2015

domingo, 15 de novembro de 2015 às 18:25

McLaren-Honda

Fernando Alonso, 16º colocado
Terminar a corrida hoje era a nossa primeira prioridade depois de ter abandonado nas recentes tardes de domingo, por isso foi uma boa notícia que ambos os carros viram a bandeira quadriculada e coletamos alguns bons dados, especialmente para o próximo ano e para o chassi, para ver qual é a melhor maneira de seguir em frente. O chassi já melhorou muito em termos de aerodinâmica e a velocidade em curva é boa, mas ainda falta potência. Infelizmente, o carro não estava funcionando 100% no início da corrida. Às vezes parecia estranho para dirigir, com potência diferente em diferentes marchas, assim estava evitando trocar de marcha de vez em quando. Acho que a razão para isso foi que depois da classificação montamos um motor novo e não demos nenhuma volta para configurá-lo. De qualquer forma, temos apenas mais uma corrida em 2015 agora. Não posso esperar para começar a trabalhar 100 por cento em 2016.

Jenson Button, 15º colocado
Nunca gostei do 15º lugar, mas a corrida em si foi razoavelmente agradável – pude forçar o carro e disputar com os outros nas curvas. Sabemos onde nossas fraquezas estão, por isso, vamos nos concentrar nos aspectos positivos. Então, houve uma sensação interessante com o carro na pista hoje, tivemos confiabilidade, e terminamos 12 segundos atrás a última posição de pontuação, que é provavelmente mais perto do que tínhamos esperado. Espero que na próxima corrida, em Abu Dhabi, vamos fazer um pouco melhor novamente.

Eric Boullier, Diretor de Corrida
Para uma equipe que venceu o GP do Brasil nada menos que 12 vezes no passado – mais do que qualquer outra equipe – terminar em 15º e 16º aqui hoje foi, naturalmente, longe de ser agradável. No entanto, mais uma vez, tanto Jenson e Fernando pilotaram com força e habilidade, em condições difíceis, com seus esforços comprometidos pela grande subida da reta principal, que sempre foi hostil ao desempenho específico do nosso carro. No entanto, as unidades de potência da Honda funcionaram como um relógio hoje, exibindo confiabilidade impecável durante toda a tarde, e esta conquista representa uma sólida plataforma de desenvolvimento sobre a qual podemos construir para o futuro.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.