F1 – Comentários pós corrida – McLaren – GP da Bélgica 2015

domingo, 23 de agosto de 2015 às 12:58

Fernando Alonso

Fernando Alonso, 13º colocado
Foi uma corrida difícil e um fim de semana doloroso: nós simplesmente não fomos competitivos hoje. Minha única diversão veio na largada – começar em 20º e ser 14º no final da primeira volta, foi uma boa sensação. Depois disso, o nosso ritmo geral não foi bom o suficiente, mas pelo menos os dois carros chegaram até o fim, então espero que possamos aprender um pouco para a próxima corrida. Isso é apenas a maneira como as coisas estão no momento. Monza também será difícil, mas tenho certeza que vamos ter algumas corridas melhores depois desta.

Jenson Button, 14º colocado
Desde as primeiras voltas, tive um problema com o funcionamento do ERS. Ele funcionava aleatoriamente, em lugares diferentes, mas nunca como deveria. Ele cortava imediatamente após Raidillon, por exemplo, e então eu tinha que contar com o ICE sozinho. Isso é muita potência para perder, e isso significava que estava na reta Kemmel até a Blanchimont sem qualquer potência auxiliar. Você realmente não pode fazer muito nessa situação.

Eric Boullier, Diretor Esportivo
De todos os circuitos do atual calendário da F1, este é indubitavelmente o menos adequado ao nosso carro. Sendo esse o caso, seria hipócrita se esperássemos estar acima das nossas posições finais aqui hoje. Certamente, terminar em 13º e 14º em um circuito que já tivemos 14 vitórias da McLaren é desfavorável ao extremo, mas não somos rabugentos. Além disso, trabalhando ombro a ombro com a Honda, vamos forçar o humanamente possível, para fazer os progressos necessários para disputar nosso caminho de volta para frente.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.