F1 – Comentários pós corrida – Haas – GP de Cingapura 2017

domingo, 17 de setembro de 2017 às 14:51
Romain Grosjean

Romain Grosjean

Romain Grosjean, 9º colocado
Estou muito feliz por todos nós, especialmente depois de um difícil fim de semana onde sabíamos que não tivemos ritmo. Nós escolhemos largar em intermediários, que era mais apropriado. Foi inicialmente complicado. Depois que todos pararam, era o pneu certo para estar, então eu estava bastante feliz com minha escolha. Trocamos para os slicks talvez uma volta muito tarde. Eu acho que Kevin fez um trabalho melhor do que eu fiz em trocar para o ultra macio. Então tive uma batalha forte. Eu tentei chegar em Stroll. Ele bateu no muro uma vez e pensei que tinha acabado pois era difícil não ter qualquer dano, então ele continuou e não cometeu nenhum outro erro, e não consegui passar. Mentalmente, foi uma corrida difícil. As condições eram horríveis, inicialmente. Você não conseguia ver nada. Estou muito feliz de ter marcado pontos aqui.

Kevin Magnussen, não completou
Fiquei chateado por não ver a bandeira quadriculada. É muito frustrante, mas às vezes acontece. Foi difícil na pista, mas foi divertido. Foi desafiador, mas bom para a Fórmula 1 por nos deixar correr e não ter que começar atrás de um carro de segurança. Eu estava tentando aquecer meus pneus novamente, porque obviamente eu tinha perdido um pouco de temperatura, então eles estavam melhorando. Fui chamado para a troca, então perdi outra posição deixando Romain passar e ficando com pneus de chuva. Tivemos um problema, então, no final, não importava.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.