F1 – Comentários pós classificação – McLaren – GP do Bahrain 2018

sábado, 7 de abril de 2018 às 15:33

Fernando Alonso

Fernando Alonso, 13º colocado
Hoje não foi ótimo – nosso desempenho de classificação foi pior do que esperávamos. Estava tudo bem em treinos livres, mas depois na classificação, perdemos velocidade e estávamos com dificuldades desde o Q1. O nosso desempenho de uma volta ainda não está otimizado – não pudemos extrair o máximo dos pneus ao longo de uma volta e precisamos de encontrar as razões. Nosso ritmo de corrida foi melhor do que o nosso ritmo em uma única volta até o momento, e ontem, durante os stints longos com pneus velhos, nos sentimos bastante competitivos. Esta manhã, também, numa pista quente, o carro estava bem e parece que estamos cuidando bem dos pneus traseiros, o que vai ser uma vantagem na corrida. Mas, obviamente, nossa posição inicial já está comprometida e estamos muito longe, então veremos o que podemos fazer. Dito isso, não chegar ao Q3 não é o fim do mundo. Nós não chegamos lá na Austrália também, mas no domingo nós dois marcamos pontos, então esperamos repetir isso aqui. Este é um circuito exigente, a degradação do pneu é alta e a confiabilidade é uma preocupação, por isso precisamos nos manter focados e aproveitar a estratégia. A livre escolha de pneus agora nos dá alguma vantagem e vamos tentar maximizar isso. A corrida é amanhã e é aí que os pontos são dados.

Stoffel Vandoorne, 14º colocado
Todos esperávamos um pouco mais de hoje. Tivemos boas sessões ontem no TL1 e TL2 e eu estava me sentindo muito confiante no carro. Sabemos que estamos neste meio-campo muito compacto, onde cada décimo é muito importante para nós e faz toda a diferença, por isso precisamos continuar melhorando. Com um passo em frente hoje, poderíamos ter lutado pelo Q3, mas sabíamos que seria complicado. Nestas condições difíceis, as coisas podem mudar rapidamente e é muito lamentável não conseguirmos chegar lá. Não avançamos para o que precisávamos hoje, por isso precisamos continuar pressionando e há muito trabalho a ser feito. Mas acho que podemos disputar amanhã. Tivemos bom ritmo durante os stints longos de sexta-feira e o equilíbrio foi muito bom. Este é um circuito onde a estratégia e os pneus são muito complexos, por isso existem algumas possibilidades. Precisamos ser oportunistas e, como em Melbourne, tentar nos beneficiar dos erros de outras pessoas. Temos uma escolha livre de pneus amanhã, e acho que por aqui pode ser bem interessante. A degradação dos pneus tem sido fundamental nesta pista no passado e existem várias estratégias possíveis. Nós vimos algumas boas corridas aqui e é para isso que vamos amanhã.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.