F1 – Chefes não chegam a um acordo sobre regras de 2017

terça-feira, 26 de abril de 2016 às 15:37
Fórmula 1

Fórmula 1

Os chefes da Fórmula 1 não conseguiram chegar a um acordo sobre as regras de motores para 2017 nas reuniões desta terça-feira em Biggin Hill, segundo o site Autosport.

O Grupo de Estratégia e a Comissão da F1 se reuniram para discutir as regras numa tentativa de conseguir uma solução antes do prazo final de sábado para ter finalizado os planos para 2017.

O presidente da FIA, Jean Todt quer discutir o custo, a disponibilidade de fornecimento, som e convergência de desempenho dos motores.

Aparentemente uma proposta sobre esses quatro pontos foi acordada pela maioria na reunião da manhã do Grupo de Estratégia.

Essa proposta foi então apresentada à Comissão da F1, que se reuniu durante a tarde, mas não se chegou a uma decisão final.

Acredita-se que as especificidades da garantia de fornecimento e o custo das unidades são os pontos que se revelaram controversos.

As fabricantes são esperadas para discutir de novo a proposta antes de apresentar uma alternativa no final desta semana.

Se alterações à proposta forem feitas, é necessário a aprovação pelo Grupo de Estratégia antes de voltar para a Comissão da F1.

Pensa-se agora em uma votação por e-mail em ambos os casos para acelerar o processo.

Em relação às novas regras aerodinâmicas para 2017, entende-se que estão aprovadas, tal como acordado no início deste mês.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.