F1 – Carey pede desculpas aos fãs pelo cancelamento da Austrália

Chase Carey

Chase Carey enviou uma carta aberta a todos os fãs da Fórmula 1 em meio ao surto de coronavírus.

O vírus vem provocando caos no esporte, com a F1 sendo forçada a adiar o início da temporada pelo menos até o final de maio. O CEO diz que o campeonato começará “assim que for seguro”.

Apenas algumas horas antes do primeiro treino livre, os chefes da F1 cancelaram o fim de semana do GP da Austrália. Os fãs inclusive já haviam chegado ao circuito do Albert Park e os carros de demonstração estavam na pista.

Deixando tantas pessoas no escuro, o sistema de organização foi criticado, mas agora parece que existe uma tentativa de apagar o incêndio.

“Primeiro e mais importante, nossa prioridade é a saúde e a segurança dos fãs, equipes e organizações da F1, assim como da sociedade em geral”, disse Carey na carta. “Nós pedimos desculpas aos fãs afetados pelo cancelamento na Austrália e também pelo adiamento de outras corridas até agora”.

“Essas decisões estão sendo tomadas pela F1, FIA e nossos promotores locais em circunstâncias que estão mudando e evoluindo rapidamente, mas nós acreditamos que elas são corretas e necessárias. Nós também queremos estender nossos pensamentos para aqueles já afetados, incluindo os da família da F1”.

“Nós reconhecemos que todos querem saber o que vem a seguir para a F1 em 2020. Não podemos dar respostas específicas hoje considerando a fluidez da situação. Porém, planejamos iniciar a temporada 2020 assim que for seguro. Nós estamos conversando com especialistas e dirigentes diariamente enquanto avaliamos como prosseguir nos próximos meses”.

Clique AQUI para fazer suas apostas esportivas

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.