F1 – Carenagens aerodinâmicas mudarão a aparência do halo

quinta-feira, 27 de julho de 2017 às 11:57
Williams

Williams

As carenagens aerodinâmicas melhorarão a aparência do halo quando for obrigatório na Fórmula 1 em 2018, insiste o diretor de corrida da FIA, Charlie Whiting.

A FIA escolheu o halo como o sistema de proteção do cockpit da F1, apesar da oposição de nove das 10 equipes e uma repercussão contrária dos fãs.

Whiting disse que os protótipos de halo experimentados em 2016 eram “crus” e não representativos.

“As equipes não exploraram toda a gama de possibilidades para fazê-los parecer um pouco mais agradáveis aos olhos”, disse ele. “No momento, só vimos projetos crus. Mesmo quando a Williams testou um branco, da mesma cor do carro, parecia muito melhor”.

“Eu pessoalmente acho que os fãs se acostumarão com isso. Eu sei que há um pouco de rejeição no momento. Eles vão apresentar alguns projetos bem diferentes, então não acho que seja tão ruim quanto você pensa”.

Enquanto o halo será uma parte padronizada, as equipes poderão encaixar suas próprias carenagens para minimizar as implicações aerodinâmicas.

“Todos irão explorar a liberdade extra que eles conseguiram, mesmo que seja apenas por motivos aerodinâmicos”, disse Whiting. “Vamos permitir que eles usem carenagens não estruturais em torno da parte superior, que podem estar não mais do que 20 mm da estrutura principal”.

“Eu acho que há uma restrição de largura total, e uma restrição sobre o quanto eles podem invadir a abertura do cockpit”.

“Mas 20 mm é bastante, e eles podem fazer o que quiserem com isso”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.