F1 – Austrália mostrou à Mercedes que precisa de Bottas, diz Hamilton

quarta-feira, 28 de março de 2018 às 12:03

Mercedes e Ferrari

Lewis Hamilton disse que a exibição mais forte da Red Bull e Kimi Raikkonen na Austrália significa que é mais importante do que nunca para a Mercedes ter os dois carros competindo na frente.

A Mercedes não conseguiu se proteger de um ataque duplo da Ferrari sobre Hamilton durante a corrida, enquanto Valtteri Bottas, que bateu durante a classificação, avançava do fundo do pelotão.

“Foi um contra dois”, disse Hamilton. “E não é fácil lutar contra uma equipe que tem dois carros disputando com uma com um carro.”

Hamilton previu que seu companheiro de equipe se recuperará do revés do último fim de semana.

“Vamos trabalhar juntos, Valtteri vai trabalhar muito para ter certeza de que ele estará na disputa e lutar com a gente também. Ele vai lutar por vitórias, certamente, nem sempre será como foi hoje”.

Bottas admitiu que seu acidente do Q3 “arruinou o fim de semana”, mas disse que estava tentando não ser tão duro consigo mesmo quanto no ano passado.

“Acho que algo que aprendi no ano passado [é] que você precisa aprender com cada erro, mas há um limite para o quanto você precisa se superar”, ele acrescentou. “Porque há uma outra corrida sempre em uma ou duas semanas novamente e você precisa estar em sua melhor forma física e mental”.

“Tentei maximizar a corrida, esse foi o resultado, mas não estou em pânico”, acrescentou. “É apenas uma corrida de 21, muito tempo à frente”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.