F1 – Ameaça da Ferrari forçou a equipe Mercedes

quinta-feira, 5 de maio de 2016 às 14:25
Ferrari e Mercedes

Ferrari e Mercedes

Os problemas técnicos da Mercedes nas últimas corridas são um resultado da crescente ameaça da Ferrari, de acordo com Toto Wolff.

A equipe alemã foi muito confiável nos testes de pré-temporada, mas encontrou uma série de problemas durante os fins de semana de corrida, em particular com o carro de Lewis Hamilton.

Na classificação do GP da Rússia, Hamilton teve um problema na unidade de potência idêntica à que sofreu na China e tiveram de trazer as peças necessárias durante a noite por avião.

Na corrida, sua perseguição a Nico Rosberg terminou quando ele encontrou um problema de pressão de água, enquanto Rosberg teve que desacelerar devido a um problema no MGU-K.

“Com as regras estáveis, você quer extrair cada pequeno benefício do motor e isso se torna mais difícil”, disse Wolff. “A Ferrari fez grandes avanços durante o inverno e é por isso que estão nos forçando aos limites e, às vezes, quando atinge os limites, você precisa descobrir. E é nisso onde estamos”.

Wolff disse que as causas dos dois problemas ainda não eram evidentes, mas grupos de trabalho foram criados para descobrir.

“Porque estamos forçando tão duro, tivemos um problema no carro de Nico no MGU-K, o que é um sinal preocupante porque pode quebrar”, disse ele. “Com as atuais regras, você não está autorizado a dizer ao piloto então é muito difícil de gerir isso”.

“No carro de Lewis, tivemos um tubo de fibra de carbono rachado que parece ser um problema na qualidade do próprio tubo. Precisamos de olhar isso”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.