F1 – Ajustes para Baku são preocupações para equipes

quarta-feira, 15 de junho de 2016 às 14:10
Baku

Baku

Figuras importantes das equipes de Fórmula 1 esperam um dilema sobre os ajustes para a corrida inaugural deste fim de semana nas ruas de Baku.

Com 6 km, o circuito de 20 curvas é o segundo mais longo do calendário e foi descrito pelo seu criador Hermann Tilke como a pista de rua mais rápida do mundo.

Mas ao lado de suas rápidas curvas e da longa reta, há também uma seção estreita e sinuosa através da Cidade Velha.

“Vai ser um grande desafio para as equipes de engenharia, porque tem esta reta de grande velocidade, com baixo downforce”, disse Rob Smedley da Williams. “Então se transforma num circuito de rua como Mônaco”.

“Então, vai haver alguns desafios reais. A pista mais parecida é com Spa. Algumas equipes terão opções diferentes para a classificação e corrida”.

Christian Horner, da Red Bull, acredita que a reta principal, que mede mais de 2 km, vai levar as equipes para ajustes de baixa pressão aerodinâmica.

“Ela tem o dobro da reta mais longa de Montreal, que é enorme”, disse ele. “Vai ser fascinante ver que ajustes as equipes adotarão”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.