Brasil pode ter dois GPs de Formula 1 por ano

Autódromo Internacional Nelson Piquet - Brasília

Autódromo Internacional Nelson Piquet – Brasília

De acordo com o amigo e jornalista Lito Cavalcanti o Brasil pode passar a ter não apenas um, mas dois GPs de Formula 1 por ano.

Lito disse em seu programa “Aumentando o Giro” no SporTV que houve uma reunião em Brasília na semana passada. Nessa reunião estavam presentes o Governador do DF e o promotor do GP do Brasil de F1, Tamas Rohonyi.

Tamas levou planilhas de arrecadação de ICMS e ISS que São Paulo arrecada na semana do GP de Formula 1 todos os anos. São números impressionantes e parece que o Governador do DF se “sensibilizou” bastante quando Tamas perguntou se ele queria ou não um GP de Formula 1 no circuito de Brasília, tanto que nessa semana a cidade já começou a providenciar as reformas de seu autódromo.

Se Interlagos, por qualquer razão, perder o GP do Brasil de F1, Brasília parece ter ótimas chances de realizá-lo.

E mesmo que Interlagos não perca seu GP, Lito disse que já surgiu a ideia do Brasil ter dois GPs de Formula 1. O realizado em Interlagos seria o GP do Brasil – como sempre foi – e o de Brasília seria chamado de GP da América do Sul, assim como acontece atualmente em Baku com o GP da Europa.

AS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.