Renault minimiza rumores de saída da F1

Renault

A Renault minimizou os rumores de que poderia abandonar a Fórmula 1.

Na semana passada, relatos sugeriram que, em meio aos escândalos dentro e fora da pista, maus resultados e a perda das clientes Red Bull e McLaren, a nova CEO da Renault, Clotilde Delbos, poderia retirar a montadora da F1.

Entretanto, um porta-voz da Renault disse ao site f1only.fr que os rumores foram plantados para “desestabilizar” a equipe.

O porta-voz acrescentou que os “projetos” para o desenvolvimento do carro de 2020 “ainda estão em andamento em Viry Chatillon e Enstone”.

Enquanto isso, o chefe Cyril Abiteboul afirmou que a Renault está mais do que satisfeita com seu principal piloto Daniel Ricciardo, que foi tirado da Red Bull para 2019 e 2020.

“Nós podemos sentir a grande responsabilidade que ele assumiu”, declarou ele à Auto Hebdo da França. “Ele está fazendo cada vez mais não só com o carro, mas também pela equipe”.

Clique AQUI para apostar no GP do Brasil

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.