Primeiro ministro malaio quer a Fórmula 1 de volta a Sepang

GP da Malásia

O primeiro-ministro da Malásia, Mahathir Mohamad, disse que deseja que a Fórmula 1 retorne ao Circuito Internacional de Sepang em breve, possivelmente em 2021.

O GP da Malásia foi uma das corridas do calendário da Fórmula 1 desde 1999, até cair em 2017, devido a custos cada vez maiores e uma mudança de governo.

Mahathir era primeiro-ministro quando a corrida se juntou ao calendário e foi recentemente eleito de volta ao poder no ano passado. Falando na reunião geral anual da Câmara de Comércio da Malásia na semana passada, ele expressou o desejo de ver a F1 de volta ao país em breve.

“Acreditamos que o interesse no Grande Prêmio ainda é muito grande e queremos trazer a corrida de volta para cá”, disse ele.

Acrescentou que o circuito de Sepang “continua muito ocupado” com a MotoGP e as corridas de resistência e que é possível atrair mais espectadores para a F1.

“Achamos que, com o Grande Prêmio conseguiremos mais de 100.000 espectadores e isso valerá a pena para nós”.

“Além disso, quando temos o Grand Prix, as emissoras de televisão transmitem isso para todo o mundo, trazendo cerca de 200 milhões de espectadores”.

Isso reflete os comentários do chefe do Circuito de Sepang, Razlan Razali, embora ele acredite que um retorno posterior seria mais provável.

“Gostaríamos de viver a vida sem a F1 por pelo menos cinco anos da nossa última corrida em 2017”, disse ele.

“Nós apenas temos que esperar e ver como a F1 evolui e se desenvolve nos próximos dois anos”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.