Pirro: Red Bull será tola se não usar jogo de equipe

O ex-piloto de F1 Emanuele Pirro é um dos comissários do GP de Abu Dhabi. Para ele, não deverá haver problema caso por exemplo a Red Bull adote uma ordem de equipe que interfira no resultado da corrida e do campeonato.

“Eles seriam tolos se não fizessem isso. Mas vamos monitorar e tentar avaliar a situação. Há muitas maneiras de um piloto poder ajudar outro, mas talvez seja ingênuo usar mensagens codificadas via rádio”, comentou Pirro, lembrando da estratégia adotada pela Ferrari no GP da Alemanha.

Para outro ex-piloto, a Red Bull erra ao tentar passar uma imagem de honestidade, afirmando que prefere perder o título a adotar um jogo de equipe. “Eles estão prejudicados pela maneira com que estão discutindo isso. Eles tentaram dizer que estão limpos e não farão nada, mas isso não é verdade. Se precisar, vão fazer”, afirmou Jean Alesi.

Stefano Domenicali, chefe da Ferrari, não irá reclamar se por exemplo Sebastian Vettel deixar Mark Webber ultrapassá-lo ao longo da corrida. “Há ordens de equipe na F1, é um esporte de equipes. Tal regra (proibição do jogo de equipe) não pode ser controlada, por isso deve ser abolida. E, se acredita-se que uma equipe tenha prejudicado o esporte, o artigo 151 do Código Esportivo ainda se aplica”, comentou.

Para Helmut Marko, consultor da Red Bull, a proibição de ordens de equipe na F1 é errada. “Isso deve ser reconsiderado. Ou se aplicam sanções reais ou vamos acabar com a regra totalmente, o que provavelmente é mais realista”, completou.

EB – www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.