MotoGP pode ter corrida em circuito de rua em breve

Phillip Island – 2017

Os proprietários da MotoGP, Dorna Sports, estão considerando a ideia de organizar um evento em circuito de rua no futuro, com planos para tal prova já tomando forma.

O CEO da Dorna, Carmelo Ezpeleta, disse em uma entrevista à publicação espanhola Expansão que o projeto proposto para corrida de rua, que será realizado em uma “cidade quente” ainda sem nome, é “sólido”. “É possível que haja um circuito urbano na MotoGP”, confirmou. “Há um projeto sólido em uma cidade quente”.

“Em teoria, a reta principal da pista seria em uma rua e o paddock seria coberto, integrado com um centro de exposições. No fim de semana de GP será usado para a corrida, e para muitas outras coisas durante o resto do ano”, explicou Ezpeleta.

Atualmente, o único evento internacional de corrida de motociclismo a ser relizado em ruas fechadas de cidade é o GP de Macau. A temporada 2018 de MotoGP será a mais longa da história, com a adição de uma corrida na Tailândia empurrando o número de corridas para 19. Um GP na Finlândia também está acordado para 2019.

Na mesma entrevista, Ezpeleta revelou que pelo menos oito países estavam em contato sobre assegurar uma corrida, embora ele continue inflexível de que o calendário não excederá 20 eventos. “No momento, há uma lista de cerca de oito países que querem ter uma prova, mas não podemos fazer 26 corridas”, encerrou.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.