MotoGP – Comentários de domingo – Áustria 2017

Andrea Dovizioso

Andrea Dovizioso

Andrea Dovizioso (Ducati), P1: A batalha foi muito boa. Nós controlamos a corrida, eu e Marc, pelos pneus, mas é a pior coisa que você pode ter – Marc na última volta atrás! Eu ouvi na última curva que ele abriu (o acelerador) mais cedo do que eu, então eu sabia que ele queria tentar (na) última curva. Eu não usei o freio, eu lhe dei a possibilidade de me ultrapassar, mas ele foi bom em parar a moto, mas eu estava um pouco mais rápido (na saída). Estou tão feliz, é muito difícil ganhar assim!

Marc Márquez (Honda), P2: Hoje na última volta eu estava pensando em tudo, exceto no campeonato. Eu empurrei 100% e eu decidi tentar – o campeonato é importante, mas mesmo o segundo lugar é. Este ano, estávamos muito mais próximos (da Ducati), mas hoje Dovizioso, especialmente nas últimas voltas, teve um pouco mais. Um pouco em todos os lugares, exceto nas duas curvas à esquerda. Eu estava perdendo em todos os lugares, mas muito mais rápido lá, talvez porque ele estava com pneus mais macios. Mas cheguei ao limite e tentei na última curva porque, caso contrário, não teria podido dormir bem esta noite. Foi arriscado, mas estou feliz no final porque os 20 pontos são importantes. Eu estava pensando em ultrapassá-lo na penúltima curva, mas ele fechou a porta, e eu tinha algumas advertências lá. Ele fechou a porta perfeitamente, então tentei a última curva, mas ele entendeu perfeitamente o que aconteceria – e ele conseguiu fechar. (Na) quinta-feira (se você dissesse que) eu seria o segundo, eu diria que é um ótimo resultado. Dovizioso merece, porque quando ele estava atrás de mim ele estava confortável, e quando eu estava atrás dele eu estava no limite. Estou feliz em aumentar os pontos do campeonato e porque conseguimos o alvo – estar no pódio em cada corrida e consistente em todas as condições.

Dani Pedrosa (Honda), P3: Estou feliz porque foi um fim de semana difícil, lutamos muito nos treinos sem a sensação correta com os pneus durante todo o fim de semana. Foi a chave para começarmos bem e fomos com o pneu traseiro duro – foi uma corrida interessante para mim porque eu tive uma boa estratégia, não rápido no começo, mas sem erros para que eu pudesse manter a linha certa e fazer algumas ultrapassagens. Pouco a pouco, peguei o ritmo e senti uma sensação melhor, mas eu estava lutando todo o fim de semana com o bloqueio da frente e com a rotação traseira, não tinha muita sensação com os pneus, mas quando cheguei ao terceiro, eu estava feliz o suficiente – então estes dois começaram a lutar. Eu estava cada vez mais perto, mas eu não tinha nenhuma chance de ficar em contato depois disso. Mas estou muito feliz por estar no pódio.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.