Matheus Leist estreia em Road America com mais um top-15 na Indy

Matheus Leist

Ao contrário de muitas etapas da Indy marcada por diversas estratégias diferentes, por conta de várias bandeiras amarelas, muitos acidentes e abandonos, em Road America a história foi exatamente oposta. Em uma corrida inteira sob bandeira verde e apenas um abandono, a ordem de chegada acabou refletindo a hierarquia das equipes: com isso, a dupla da AJ Foyt conseguiu apenas um top-15, com Matheus Leist chegando em 15o lugar, uma posição atrás de seu companheiro de equipe, o experiente Tony Kanaan.

“Tivemos um bom início com um top-10 no treino de sexta-feira, mas depois o carro não teve o comportamento esperando, saindo muito de traseira e dificultando o ajuste para a classificação. Saindo da 20a colocação, a gente esperava arriscar um pouco no set up e mesmo na estratégia, mas em uma corrida sem muitos incidentes e inteira em bandeira verde, o máximo que conseguimos foi o top-15”, diz Leist, que é o mais jovem piloto do grid, com 19 anos e fez neste final de semana sua estreia na pista como piloto da Indy.

Em 2017, no entanto, o gaúcho venceu em Road America em sua primeira corrida oficial no circuito, competindo pela categoria de acesso (Lights). E justamente por isso, Leist esperava um final de semana mais competitivo na prova disputada no estado norte-americano de Wisconsin.

“Sabemos que teríamos que melhorar em relação aos outros autódromos mistos onde corremos neste ano, como Barber e Indy Grand Prix, mas Road America tinha potencial de um resultado melhor, tanto para mim quanto para o Tony (Kanaan). Em todo caso, vamos continuar trabalhando bastante para melhorar a competitividade de nosso time já a partir da próxima etapa”, diz Leist.

A Indy volta às pistas daqui a duas semanas no circuito oval de Iowa, onde o gaúcho também venceu na categoria de acesso em 2017.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.