Indy – Tagliani: Bryan Herta Autosport foi “trapaceada” por deficiência da Lotus

Alex Tagliani

Alex Tagliani

Alex Tagliani afirma que a sua equipe, a Bryan Herta Autosport, foi “trapaceada” por ter começado a temporada 2012 com os fracos motores Lotus. A fabricante, juntamente com Honda e Chevrolet, passou a fornecer os novos propulsores turbinados da Indy.

A maioria das equipes abandonou a Lotus antes mesmo das 500 Milhas de Indianapolis, deixando a HVM sozinha até o final da temporada. Para 2013, apenas Honda e Chevrolet estarão na ativa, já que a Lotus já anunciou sua retirada.

“É bom saber que vamos estar começando a próxima temporada no mesmo nível que os nossos adversários, porque a equipe se sentiu até trapaceada”, disse o canadense. “Na última temporada, as equipes com motores Honda e Chevrolet estavam muito à nossa frente para a etapa de abertura em St. Pete, o que não fazia o menor sentido”.

“Foi um começo difícil de temporada, mas até o final do ano nós alcançamos o nível das outras equipes. Olhando para a frente em 2013, a equipe está muito confiante de que podemos lutar pelo campeonato na classificação geral, ou ao menos pelos títulos ou nos ovais ou nos mistos”, finalizou Tagliani.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.