Indy – Em Laguna Seca, Matheus Leist encerra segunda temporada

Matheus Leist

O jovem piloto Matheus Leist terminou sua segunda temporada completa da Indy neste domingo (22) em Laguna Seca. O gaúcho de 21 anos cruzou a linha de chegada na 17a colocação e destacou a temporada marcada por seu melhor resultado na categoria, o quarto lugar no circuito misto de Indianápolis, um dos melhores de sua equipe, Foyt, nos últimos cinco anos.

“Foi uma corrida divertida, com muitas disputas no pelotão intermediário, mas sofremos mais do que prevíamos com o desgaste de pneus. Mexemos no carro depois dos problemas na classificação, mas acabamos não conseguindo ir na direção correta para conseguir mais ultrapassagens e lutar por mais um top-10”, diz Leist, que fez as duas temporadas na Indy como companheiro de equipe de Tony Kanaan.

O circuito de Laguna Seca tem 3.602 metros e possui algumas sequências de subidas e descidas, com destaque para o ‘saca-rolhas’, o trecho mais famoso do circuito. O melhor resultado de Leist na temporada veio justamente em um traçado misto, no GP de Indianápolis, em maio, quando o gaúcho conquistou um quarto lugar sob chuva. Na última etapa, em Portand, Leist voltou a andar bem em traçado misto com um oitavo lugar depois de ser o piloto que mais escalou posições na corrida em relação ao grid de largada.

Campeão da F3 Inglesa em 2016, Leist venceu três corridas na Indy Lights em 2017 e fez sua segunda temporada completa na Indy em 2019 com a Foyt.

“Foi uma temporada 2019 de bastante luta na Foyt e com ótimos momentos, como a prova em Portland e em especial o quarto lugar no circuito misto de Indianápolis. Agora é seguir trabalhando para seguir na Indy e conseguir resultados ainda melhores no próximo ano”, completa Leist.

A vitória ficou com Colton Herta e o título da temporada 2019 com Josef Newgarden, da Penske.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.