GP da Holanda retorna ao calendário da F1 em 2020

GP da Holanda – 1985

O retorno do GP da Holanda ao calendário da Fórmula 1 em 2020 foi confirmado em um evento no circuito de Zandvoort nesta terça-feira.

Zandvoort e o GP da Holanda não fazem parte do calendário da F1 desde 1985.

Após a ascensão de Max Verstappen, os organizadores de Zandvoort chegaram a um acordo com os chefes do campeonato para discutir exclusivamente o retorno da corrida na próxima temporada.

Agora, o contrato finalmente foi assinado, com Zandvoort sediando o GP da Holanda por pelo menos três anos a partir de maio de 2020. Espera-se que ele substitua o GP da Espanha no calendário.

“Nós estamos particularmente satisfeitos por anunciar que a F1 está voltando a correr na Holanda, na pista de Zandvoort”, declarou Chase Carey, CEO da categoria. “Desde o começo de nosso mandato na F1, nós dissemos que queríamos correr em novos locais enquanto respeitamos as raízes históricas da categoria na Europa”.

“Na próxima temporada, nós teremos uma nova corrida de rua na capital do Vietnã, Hanói, e também o retorno de Zandvoort depois de uma ausência de 35 anos: uma pista que contribuiu para a popularidade da categoria no mundo todo”.

“Nos últimos anos, nós vimos o ressurgimento do interesse na F1 na Holanda, principalmente devido à torcida entusiasmada pelo talentoso Max Verstappen, como se pode ver com o mar de laranja em várias corridas. Sem dúvida, essa será a cor dominante nas arquibancadas de Zandvoort no próximo ano”.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.