Firestone decide permanecer por mais dois anos na Indy

A Firestone reverteu a sua decisão de deixar a Formula Indy ao final de 2011, e irá permanecer por ao menos mais dois anos. A fabricante havia anunciado recentemente a sua retirada, mas as equipes se reuniram no começo desta semana e decidiram fazer todos os esforços possíveis para reverter tal decisão.

Randy Bernard, CEO da Indy, disse que a determinação das equipes para manter a Firestone foi um elemento crucial no processo. Em 2012, a categoria irá estrear um novo carro, e as equipes temiam perder a segurança que os compostos já utilizados proporcionam.

“No final da semana passada, tínhamos atingido o prazo em que ambas as organizações tinham de tomar uma decisão sobre o futuro, visando preparar as suas operações individuais a longo prazo. Esta é uma daquelas decisões onde os dirigentes precisam estar 100% ao seu lado. No início desta semana foi convocada uma reunião para discutir o tema com os donos de equipe. Estou feliz por dizer que avançamos com a Firestone”, disse ele.

“Nós sentimos que este novo contrato de fornecimento vai beneficiar a todos. Ele nos fornece produtos seguros e confiáveis da Firestone visando a transição para os carros novos de 2012. Temos que agradecer a todos na Firestone por trabalharem conosco para ajudar a garantir o melhor para o crescimento a longo prazo do nosso esporte”, completou Bernard.

Al Speyer, chefe do departamento de competições da Firestone, ficou contente com o acordo alcançado. “Apesar de termos chegado ao auge do sucesso nas corridas da Indy, estamos felizes por estender a nossa relação com a categoria até 2013, continuando a nossa parceria vencedora. Enquanto isso, continuaremos a avaliar todas as opções para a promoção da marca Firestone, dentro e fora do automobilismo”, comentou.

O novo acordo abrange apenas a Indy. A Firestone foi patrocinadora e fornecedora de pneus da Indy Lights, mas ainda pretende deixar a categoria ao final do ano.

EB – www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.