F1 – Verstappen: Foi a pior sexta-feira do ano!

Max Verstappen – Silverstone 2019

Depois de lutar para encontrar estabilidade com sua Red Bull, Max Verstappen classificou seu treino de sexta-feira à frente do GP da Inglaterra como um dos piores de sua temporada, mas permanece cautelosamente otimista na última vitória na Áustria.

O piloto holandês encerrou o TL2 na sétima posição, a 0,830s de Valtteri Bottas da Mercedes, e foi superado pelo companheiro de equipe da Red Bull, Pierre Gasly, e Lando Norris, da McLaren, em Silverstone.

Verstappen disse que a falta de ritmo se deveu ao pouco equilíbrio de seu RB15, ao mesmo tempo em que tentava lidar com o novo asfalto no circuito de Northamptonshire após o recente recapeamento.

“É claro que com um novo asfalto você precisa entender os novos níveis de aderência, mas é bom”, disse Verstappen. “Está um pouco ondulado em alguns lugares, então é uma pena, mas em geral há mais aderência. Todos os pilotos gostam disso.”

“Em geral, tinha muito vento, então não estava fácil e, claramente, não tínhamos um bom equilíbrio no carro, o que torna ainda mais difícil.”

“No momento, eu diria que esta sexta-feira é a pior que tive neste ano, então ainda temos que trabalhar.”

Apesar de suas preocupações, Verstappen sentiu que a diferença para os principais pilotos da Mercedes e da Ferrari é administrável, dado o ritmo que ele sente que precisa extrair de sua Red Bull. O companheiro de equipe Gasly terminou o TL1 em P1 e no TL2 ficou em P5, pouco mais de meio segundo atrás de Bottas no topo da classificação.

“Mas é promissor que ainda estamos muito perto da Mercedes e da Ferrari, o que significa que há muito potencial”, disse ele.

AS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.