F1 segue em impasse sobre as regras de 2021

Fórmula 1 2021

Apenas semanas antes do prazo para a finalização das regras de 2021, as equipes de Fórmula 1, a Liberty Media e a FIA continuam em um impasse.

O prazo de junho já havia sido adiado até o final de outubro, enquanto as partes não se entendem em relação aos detalhes da grande reformulação do regulamento.

A maior discussão está relacionada às restritivas regras aerodinâmicas, e agora há uma contraproposta de última hora envolvendo inovações técnicas de “código aberto”.

Toda essa agitação vem deixando Ross Brawn, diretor esportivo da F1, frustrado.

“Nós últimos dois anos, nós detalhamos todos os estágios do desenvolvimento do carro de 2021”, disse ele à Auto Motor und Sport. “Por que eles estão soando o alarme agora?”

Uma teoria é que as equipes estão simplesmente usando táticas para que a Liberty e a FIA não tenham alternativa além de manter as mesmas regras.

“A tecnologia sempre converge quando você deixa as regras estáveis pelo maior tempo possível”, declarou Toto Wolff, da Mercedes.

Alguns argumentam que as corridas não têm sido melhores em 2019.

“Isso é verdade para o grupo da ponta e o pelotão intermediário”, afirmou Zak Brown, CEO da McLaren. “O problema é a diferença de um segundo entre esses dois grupos”.

Frederic Vasseur, chefe da Alfa Romeo, acredita que o problema é que as regras são decididas democraticamente.

“Se alguém levanta o braço para sugerir alguma coisa, os outros se opõe por princípio porque pode ser uma desvantagem para eles”, disse ele.

O prazo para a definição das regras é 31 de outubro.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.